VEREADORA NEIVA HERNANDEZ FAZ REFLEXÃO SOBRE AS MULHERES Publicado em 15/03/2018

VEREADORA NEIVA HERNANDEZ FAZ REFLEXÃO SOBRE AS MULHERES

A vereadora Neiva Hernandez subiu à tribuna da Casa de Leis durante a sessão ordinária, realizada nesta tarde, para fazer uma abordagem sobre as mulheres na sociedade atual. No mês da mulher e um dia após o assassinato da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, a ideia do discurso, segundo a vereadora, foi fazer uma reflexão da situação, assim como uma maneira de conservar, reafirmar e promover as conquistas e direitos que as mulheres estão alcançando ao longo dos anos, mesmo com tantas dificuldades e circunstâncias adversas.

Em tom emocionado, Neiva Hernandez falou sobre a preocupante violência que as mulheres sofrem todos os dias e como podemos diminuir esta vulnerabilidade. Segundo ela, é preciso promover o debate e políticas públicas voltados ao tema. Durante a fala, enalteceu a batalha das mulheres para mostrar que têm a mesma capacidade profissional dos homens; e abordou o processo de empoderamento que está havendo no país ao reafirmar que “lugar de mulher é onde ela quiser”.

Entre vários temas relacionados, a vereadora Neiva Hernandez explanou um pouco mais sobre a Mulher na Política. O Brasil ocupa, segundo dados de pesquisas, a posição de nº 153 no ranking de Mulheres Atuantes, entre 193 países. Paralelamente, fez um comparativo com a região. Das 61 cadeiras de vereadores das cidades de Cajamar, Caieiras, Franco da Rocha, Francisco Morato e Mairiporã, apenas cinco são ocupadas por mulheres.

Dona Neiva lembrou ainda que em toda a história de Franco da Rocha, a Casa de Leis teve apenas quatro vereadoras: Dra. Zulmira, Sueli Tozato, Neusinha e a própria vereadora, que já está em seu terceiro mandato.

Ainda segundo dados apontados por ela, as mulheres são a maioria do eleitorado brasileiro, mas infelizmente a grande minoria no poder público e que isso precisa ser mudado definitivamente.

Por fim, a vereadora afirmou que “uma mulher muda quando entra para a política, mas quando muitas entram, elas mudam a política. A democracia não se completa sem a mulher no poder!”


CONHEÇA OS VEREADORES DA NOSSA CIDADE